PORTAL DE NOTICIAS E GAMES RETRO


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

RETRO GAMES BRASIL » RETROGAMES BRASIL » SAVE POINT » Jogos single-player estão ficando economicamente inviáveis, diz gerente da Microsoft

Jogos single-player estão ficando economicamente inviáveis, diz gerente da Microsoft

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

Sonymaster

avatar
Amador
Amador
Shannon Loftis, gerente de publicações de jogos Xbox, acredita que os jogos singleplayer não estão mortos. Porém reconhece que a condição econômica voltada para estes jogos está “complicada”. O assunto surgiu com força no mercado após a EA fechar a Visceral Games. Aparentemente o projeto do novo Star Wars não agradou a empresa justamente por ser um jogo totalmente offline.



Em uma entrevista ao GameSpot, Loftis falou sobre a importância dos jogos singleplayer, e como o pedido de experiências de melhor qualidade pode resultar em um grande orçamento de produção. Loftis afirma que os custos de desenvolvimento “assustam” os produtores de fazerem experiências singleplayer, colocando muito dinheiro em um projeto quando seu retorno não é tão seguro.

“No geral, o desenvolvimento de jogos envolve um conjunto de coisas. Trata-se de proporcionar uma experiência, de contar uma história. O Storytelling continua central ao desenvolvimento de jogos,”

   “Eu não acho que jogos assim estejam propriamente mortos. Penso que a economia de pegar um jogo singleplayer e contar uma história de alta fidelidade de várias horas é um pouco mais complicada. Os jogadores querem maior fidelidade e querem gráficos de alta resolução”

Loftis também comentou sobre o serviço Xbox Game Pass, que oferece uma biblioteca de mais de 100 jogos aos seus assinantes em troca do pagamento de uma assinatura mensal. Este se torna um método ideal pelo qual a Microsoft pode ajudar a financiar jogos únicos para os jogadores.

Na estimativa de Loftis, os jogos singleplayer existirão para sempre, embora seja possível que eles se tornem menos prevalentes:

“Não penso que haverá um tempo em que não existirão jogos singleplayer baseados na história. Eu adoro a ideia de construir uma comunidade em volta da experiência que esses jogos proporcionam”

A EA foi alvo de muitas críticas recentemente após anunciar o fechamento da Visceral Games, produtora de jogos como Dead Space e Battefield Hardline, após mudar o desenvolvimento do novo Star Wars, se tornando um jogo cooperativo em mundo aberto, acabando com qualquer esforço da EA em investir em grandes campanhas single player. Manveer Heir, ex-produtor na Bioware, afirmou recentemente que a EA vai passar o seu foco para jogos em mundo aberto porque consegue “capitalizar melhor”.

Alguns tomaram esta notícia como um sinal de que os videogames estão se afastando de experiências únicas para jogadores. Esse é um pensamento compreensivelmente preocupante. Como disse Loftis, é altamente improvável que os jogos exclusivamente singleplayer deixem de existir, embora possamos ver menos deles no futuro.

Fonte: Adrenaline

Sonymaster

avatar
Amador
Amador
As microtransações estão se tornando um verdadeiro problema - todas elas

As microtransações foram primeiro popularizadas por jogos gratuitos, algo que faz muito sentido. Você não pagou para jogar e os desenvolvedores precisam ser recompensados pelo seu trabalho, então eles vendem itens e equipamentos para seu personagem que muitos usuários estão felizes em comprar com dinheiro real. Eventualmente alguém teve uma ideia: "e se a gente também vendesse essas coisas nos games pagos?". Imagino que alguns executivos na reunião possam ter considerado a ideia absurda, quem sabe até ter dado uma boa risada. Mas é só olhar a situação atual do mercado de games para saber quem riu por último.

Algo que começou a ser implementado vagarosamente, apenas em alguns jogos, está se tornando um padrão. Alguns dos maiores lançamentos de 2017 contam com o modelo de microtransações, como Assassin's Creed Origins, Destiny 2 e Sombras da Guerra. Enquanto isso, a gigantesca Take-Two já decidiu que não faz mais jogo sem o recurso e pronto, depois de ganhar uma renda massiva com esse modelo de negócios. Estamos chegando naquele ponto em que as produtoras não disfarçam mais, elas vão colocar e pronto, goste ou não. E sei que quem leu até aqui já está pensando nas clássicas e repetitivas desculpas para as microtransações:



- "Se for só cosmético, tudo bem | Só compra quem quer | Você não precisa comprar pra jogar". Estes argumentos são bem rasos e ignoram o verdadeiro e mais profundo problema das microtransações: a maneira que elas influenciam na mecânica e na lógica dos games.

Vamos começar de maneira simples, desbancando o argumento de "não precisar" comprar os itens. Oras, se fizéssemos só o que PRECISAMOS fazer, não teríamos nem comprado o jogo. Estaríamos felizes em respirar, comer e ter um banheiro. Jogamos porque QUEREMOS, porque é divertido, nos faz bem. E quando estamos jogando algo que gostamos, queremos acessar o conteúdo que nos é apresentado, especialmente quando já pagamos pelo desenvolvimento desse conteúdo na compra do jogo. Comprar o item por microtransação é pagar por ele de novo. É uma sensação bizarra estar jogando Assassin's Creed Origins e ver aquela vitrine de produtos inacessíveis, sabendo que há não muitos anos eles seriam algo que eu conseguiria naturalmente, conforme eu jogo. E sem ficar esfregando na minha cara, seriam aqueles unlockables surpresa que eram tão bons. Aí vem o argumento preferido das produtoras: "mas você pode comprar todos esses itens com dinheiro do jogo, o uso do dinheiro real é só pra economizar tempo".

E é aqui que a discussão fica um pouco mais profunda. É só seguir a lógica: se fosse muito fácil conseguir os itens apenas fazendo "grinding" no jogo, quem recorreria às microtransações? Mas se for muito difícil, o jogo vai ser crucificado na internet por estar nitidamente "extorquindo" seus jogadores. Qual a solução? Algo implementado em jogos free to play de smartphones há tempo: o que eu chamo de "escalonamento".

Quando você começa o jogo, é muito fácil conseguir os recursos e os itens. Realizar uma missão lhe dá diversas moedas ou qualquer outro recurso do game, comprar as armas, equipamentos, skins é fácil e você defende o game aos 4 ventos, destacando como as microtransações são desnecessárias. Todos felizes. Só que o preço das coisas e exigência de recursos para criação de equipamentos aumenta de maneira exponencial, fazendo um upgrade que levava 10 minutos de "grinding" começar a exigir 100 minutos, 1.000 minutos... E depois de investir tanto tempo num jogo, como parar? É interessante destacar aqui que a Ubisoft chama seus pacotes de itens na loja oficial do ACO de "poupa-tempo". Que coisa, não?



E é isso que foi tão criticado em Sombras da Guerra, por exemplo, em que muitos jogadores relataram que terminar a campanha é tranquilo, mas ver o segundo final é um trabalho chato, longo e repetitivo. "Tá, João, mas e se os itens foram realmente apenas cosméticos?". Aí o problema cai na lógica de desenvolvimento do jogo.

Jogos free to play mobile já são desenvolvidos com as microtransações como o grande centro do jogo. A maioria deles não têm um objetivo final, mas um ciclo de objetivos alimentados por gastos: você usa recursos para aumentar seu império, que vai precisar de ainda mais recursos para ficar ainda maior e assim vai. A ideia é vincular o progresso do jogo ao seu gasto, não ao seu gameplay.

Meu medo é que essa lógica seja transportada para os games triplo A, já tão caros em seu lançamento. Os títulos deste ano que eu citei ainda oferecem ótimos jogos por baixo das microtransações, que foram elogiados pela crítica e pelo público. Mas quanto tempo vai levar para as produtoras fazerem seus jogos cada vez mais focados em lhe fazer gastar do que em realmente serem bons? Vale destacar aqui que Sombras da Guerra levou uma espécie de "review bombing" dos usuários no Metacritic, tendo sua nota de usuários reduzida à média de 2,8, muitíssimo abaixo da sua média 8,1 de reviewes.



A teoria da conspiração não é absurda. A EA cancelou seu projeto de um game de ação e aventura de Star Wars que chegou a ter um trailer mostrado na E3. Em sua declaração, destaco este interessante trecho:

"Ficou claro que, para entregar uma experiência onde os jogadores vão querer voltar e aproveitar por um longo tempo, nós precisávamos mudar o design."



É legal lembrar aqui que a Take-Two chamou as microtransações de "gastos recorrentes dos consumidores" em seu relatório financeiro. "Voltar e aproveitar um longo tempo" = "gastos recorrentes dos consumidores". Essa tendência é visível nos games da atualidade que tentam ser cada vez maiores e mais cheios de coisas. Isso é algo muito fácil de vender para os jogadores, que ficam felizes em receber mais gameplay pelo seu dinheiro investido, mas é importantíssimo lembrar que mais quantidade nem sempre é mais qualidade. Não adianta lotar um game de missões extras chatas que ainda vão lhe obrigar a ficar fazendo "grinding" pra recolher um número X de recursos, por exemplo (e que você pode comprar pra ser mais rápido).

E claro que precisamos lembrar aqui também da patente da Activision que até levava o nome de "motor de microtransações". Pro pessoal que ainda defende as compras "apenas cosméticas", não faz diferença. Tudo é enxergado pelos executivos como a mesma coisa e é assim que eles começam a pressionar que os jogos sejam desenvolvidos. Você prefere que seu match no multiplayer seja feito procurando jogadores com o mesmo nível de experiência que o seu ou procurando jogadores que tem skins que você não tem?

E isso para não mencionar um problema bem menor, mas que, pessoalmente, me incomoda bastante. Toda vez que o jogo oferece para você pagar alguma coisa com dinheiro real ele quebra a imersão e atrapalha a experiência. Imagine você na pele de Talion, retalhador de Orcs, na luta pela Terra-Média contra Sauron, mas espera aí, por apenas R$ 20 você compra essa linda caixa de Orcs sortidos. Vai ser no crédito ou no débito? Põe no crédito que você vai comprando sem sentir os gastos, bem melhor.



Admito que em análises passadas fui bastante conivente com as microtransações. Principalmente na review de Injustice 2, mas também um pouco na de Destiny 2. Percebendo agora o caminho que está sendo seguido pela indústria dos games, decidi adotar uma postura mais firme contra esse processo que parece impactar no desenvolvimento de futuros jogos.

Sempre que um game tiver microtransações elas vão aparecer como um dos pontos negativos na lista de "Contras" das reviews. Dependendo do impacto e da importância desses itens compráveis no jogo, eles vão resultar também numa diminuição da nota. Espero que entendam a postura e incentivo que sempre leiam as reviews em sua totalidade para entenderem completamente a experiência dos reviewers com o jogo.

É legal também destacar esse tipo de postura aparecendo em outros sites, como o OpenCritic, um site que agrega reviews de outros sites especializados e do público, assim como o MetaCritic, mas direcionado apenas para jogos. Ele anunciou pelo Twitter que está estudando uma maneira de adicionar informações do modelo de negócios dos jogos. No mesmo tweet o site disse que está se posicionando contra a implementação dos famigerados "loot boxes".

Convido os usuários a se juntarem à luta contra as microtransações, que estão se mostrando mais malignas até do que a pré-venda. E pra isso, é muito simples, não gaste mais dinheiro num jogo que você já pagou, por favor.

Fonte: Adrenaline

Antonio Neto

avatar
Moderador
Moderador
sorte q temos muitos exemplos contra isso.

torço muito pra wolf2 e tew2 venderem bem.

re7 tb merece vender bem.


________________________________________
PANELA HUE
PANELA CUECA BOXER
PANELA VEM METEORO
PANELA DOS USUÁRIOS 2010
PANELA BOLACHA MASTER RACE

STEAM: http://steamcommunity.com/id/netokosovo

Sonymaster

avatar
Amador
Amador
Antonio Neto escreveu:sorte q temos muitos exemplos contra isso.

torço muito pra wolf2 e tew2 venderem bem.

re7 tb  merece vender bem.

Eu sinto que o mundo dos games esta em uma beira de um novo crash, mas sei lá esse modelo novo de jogar realmente desanima bastante os antigos jogadores como eu, que adorava conseguir as coisas por horas de jogo e não apenas passar o cartão de credito e pronto.

Gordola da Station

avatar
Medio-Retro
Medio-Retro
A MS está certa, infelizmente. Pode haver exceções, mas a realidade é que o futuro dos games envolve quase sempre multiplayer e microtransações.

Sonymaster

avatar
Amador
Amador
Gordola da Station escreveu:A MS está certa, infelizmente. Pode haver exceções, mas a realidade é que o futuro dos games envolve quase sempre multiplayer e microtransações.

Única forma das empresas se manter no mercado é com isso mesmo.

naldin

avatar
Semi-amador
Semi-amador
Sonymaster escreveu:
Antonio Neto escreveu:sorte q temos muitos exemplos contra isso.

torço muito pra wolf2 e tew2 venderem bem.

re7 tb  merece vender bem.

Eu sinto que o mundo dos games esta em uma beira de um novo crash, mas sei lá esse modelo novo de jogar realmente desanima bastante os antigos jogadores como eu, que adorava conseguir as coisas por horas de jogo e não apenas passar o cartão de credito e pronto.
Acho que nossa salvação serão os indies. Por falar nisso alguém sabe qual a é a loja virtual focada em indies? Eu sei que tem mas não sei qual é.

http://naldin.000webhostapp.com

Antonio Neto

avatar
Moderador
Moderador
naldin escreveu:
Sonymaster escreveu:
Antonio Neto escreveu:sorte q temos muitos exemplos contra isso.

torço muito pra wolf2 e tew2 venderem bem.

re7 tb  merece vender bem.

Eu sinto que o mundo dos games esta em uma beira de um novo crash, mas sei lá esse modelo novo de jogar realmente desanima bastante os antigos jogadores como eu, que adorava conseguir as coisas por horas de jogo e não apenas passar o cartão de credito e pronto.
Acho que nossa salvação serão os indies. Por falar nisso alguém sabe qual a é a loja virtual focada em indies? Eu sei que tem mas não sei qual é.

nao sei se to falando merda mas tem o desura


________________________________________
PANELA HUE
PANELA CUECA BOXER
PANELA VEM METEORO
PANELA DOS USUÁRIOS 2010
PANELA BOLACHA MASTER RACE

STEAM: http://steamcommunity.com/id/netokosovo

Guitto

avatar
Moderador
Moderador
Vou deixar só esses dois quotes do Hiroshi Yamauchi:

"I have been saying this for some time, but customers are not interested in grand games with higher-quality graphics and sound and epic stories. Only people who do not know the videogame business would advocate the release of next-generation machines when people are not interested in cutting-edge technologies."

"There are many people in the industry that know nothing about games. In particular, a large American company is trying to do engulf software houses with money, but I don't believe that will go well. It looks like they'll sell their game system next year, but we'll see the answer to that the following year. (In reference to Microsoft, prior to the release of the Xbox)"

Esses quotes do Yamauchi são bem antigos, mas previram exatamente isso que anda acontecendo.

A Microsoft foi a primeira a inflar esse mercado. Aquilo que ela reclama hoje, foi iniciado por ela mesmo anos atrás. Ela fomentou esses custos malucos e agora reclama exatamente disso! Enfim, quem gosta da história dos videogames e le sobre o assunto sabe muito bem das práticas deles, e isso é bem documentado. Eles trouxeram boas inovações pro mercado, mas também trouxeram muito lixo na indústria.


________________________________________
Panela dos sulistas.

"The people who speak about the “next generation” are people who don’t know games" - Hiroshi Yamauchi



Guitto

avatar
Moderador
Moderador
Aliás, bom tópico, mas acho que deveria ter sido criado no Portal.


________________________________________
Panela dos sulistas.

"The people who speak about the “next generation” are people who don’t know games" - Hiroshi Yamauchi



Henrico D. Santo

avatar
Lenda Urbana
Lenda Urbana
Single>>>>>>>Multi.


________________________________________
MANELA DOS PACONHEIROS
PANELA DOS AVATARES FUMANTES
PANELA DOS BOLACHA MASTER RACE
PANELA ITALIANOS FASCISTAS
PANELA CUECA BOXER
PANELA DOS USUÁRIOS 2010
PANELA THE LAST OF US FORUM EDITION


Santo André - Paulistarum Terra Mater

yon

avatar
Lenda Urbana
Lenda Urbana
Antonio Neto escreveu:
naldin escreveu:
Sonymaster escreveu:
Antonio Neto escreveu:sorte q temos muitos exemplos contra isso.

torço muito pra wolf2 e tew2 venderem bem.

re7 tb  merece vender bem.

Eu sinto que o mundo dos games esta em uma beira de um novo crash, mas sei lá esse modelo novo de jogar realmente desanima bastante os antigos jogadores como eu, que adorava conseguir as coisas por horas de jogo e não apenas passar o cartão de credito e pronto.
Acho que nossa salvação serão os indies. Por falar nisso alguém sabe qual a é a loja virtual focada em indies? Eu sei que tem mas não sei qual é.

nao sei se to falando merda mas tem o desura

Tem esse tb
https://itch.io/
Isso é o mais underground que conheço.

Dsclp mas não vou ler tudo..
Só acho que eles ficarão mais escassos, por ter que trabalhar com menos risco de flopar, os indies vão suprir uma parte da demanda e haverão sempre jogos single pra desenvolver uma franquia, vender consoles.. E jogos derivados dele pra milkar sem dó.
E pra mim se venderem coisas estéticas, que não tirem a experiência de quem só tem o vanilla, de boas ter microtransação dentro de jogos single player.

Antonio Neto

avatar
Moderador
Moderador
eu acho otimo o sistema do LOL, csgo, pubg, onde a galera gasta grana em cosmeticos, e o jogo nao fica desbalanceado.

nao ligo se todos os jogos ficassem assim. é opcional, e nao interfere no gameplay, e dá grana p kct.


________________________________________
PANELA HUE
PANELA CUECA BOXER
PANELA VEM METEORO
PANELA DOS USUÁRIOS 2010
PANELA BOLACHA MASTER RACE

STEAM: http://steamcommunity.com/id/netokosovo

Jail

avatar
Moderador
Moderador
Henrico D. Santo escreveu:Single>>>>>>>Multi.


________________________________________
Arquivo Jailcante
PSN: JailRocha

http://arquivojail.wordpress.com/

naldin

avatar
Semi-amador
Semi-amador
Antonio Neto escreveu:

nao sei se to falando merda mas tem o desura

Não era esse, inclusive acho que esse o http://www.oneplay.com/en/ comprou ele, algo assim.

yon escreveu:

Tem esse tb
https://itch.io/
Isso é o mais underground que conheço.


Esse não conhecia e parece ser muito bom. Acabei achando aqui, é o Game Jolt https://gamejolt.com
Valeu galera!!!

http://naldin.000webhostapp.com

yon

avatar
Lenda Urbana
Lenda Urbana
Antonio Neto escreveu:eu acho otimo o sistema do LOL, csgo, pubg, onde a galera gasta grana em cosmeticos, e o jogo nao fica desbalanceado.

nao ligo se todos os jogos ficassem assim. é opcional, e nao interfere no gameplay, e dá grana p kct.

Sim, LoL é caro as coisas, mas é só skin. Até dá pra comprar char, mas só se o cara quiser mesmo, toda semana tem vários free e rapidinho vc compra os que mais quiser. Jogo bem pouco perto da maioria das pessoas e depois de uns 3 anos tô com quase todos desbloqueados.. E oh que a cada 2 meses mais ou menos lançam 1/2 chars novos.

Sir_GrayFox

avatar
Semi-amador
Semi-amador
Sonymaster escreveu:
Os jogadores querem maior fidelidade e querem gráficos de alta resolução”



Não, senhora. Isso é oque VCS ACHAM que nós queremos. Nós queremos jogos bons =P

dukemagus

avatar
Frenetico
Frenetico
Tinha que rolar algum tipo de teto para o orçamento dos games. Eles precisam dessas putarias porque a produção ficou cara demais

Bonatti

avatar
Moderador
Moderador
Antonio Neto escreveu:sorte q temos muitos exemplos contra isso.

torço muito pra wolf2 e tew2 venderem bem.

re7 tb  merece vender bem.

TEW2 já dropou. =(

Mais esse papo de que só existe UMA formula é uma idiotice sem tamanho (que empresas como MS e EA vão ficar batendo na tecla sempre que algum jogo falhar). Temos MUITOS jogos SP dando certo, sem micro transação.

E outra, se vc já sabe que seu jogo vai ter um publico menor, vc investe menos.... existem meios muito mais honestos de um jogo dar lucro...


________________________________________
PANELA DOS AVATARES FUMANTES

http://www.drinknplay.com/

Consoles, Perfis, Gametags e Acessórios:
Sony LED 40EX705

Playstation 4
PSN: GBonatti


Xbox 360 Slim HD 250GB
Gametag: GBonatti


Playstation 3 Super Slim HD 250GB
PSN: GBonatti


WII U Black
Nintendo Network: GBonatti


Nintendo Wii

Nintendo 3DS Cosmo Black
Bonatti
Friend Code: 5112 - 3827 - 0556


PC:
INTEL I7 4790 3.60GHZ 4ª GERAÇÃO
16GB DDR3
SSHD 1TB
GTX 970
Steam: B0NATTI
Origin: GBonatti


Super Nintendo - Mega Drive - Sega CD - Game Boy Color


Twitter: G_Bonatti

RAPTR:
Spoiler:
http://www.facebook.com/profile.php?id=1274665507

Bonatti

avatar
Moderador
Moderador
Guitto escreveu:Vou deixar só esses dois quotes do Hiroshi Yamauchi:

"I have been saying this for some time, but customers are not interested in grand games with higher-quality graphics and sound and epic stories. Only people who do not know the videogame business would advocate the release of next-generation machines when people are not interested in cutting-edge technologies."

"There are many people in the industry that know nothing about games. In particular, a large American company is trying to do engulf software houses with money, but I don't believe that will go well. It looks like they'll sell their game system next year, but we'll see the answer to that the following year. (In reference to Microsoft, prior to the release of the Xbox)"

Esses quotes do Yamauchi são bem antigos, mas previram exatamente isso que anda acontecendo.

A Microsoft foi a primeira a inflar esse mercado. Aquilo que ela reclama hoje, foi iniciado por ela mesmo anos atrás. Ela fomentou esses custos malucos e agora reclama exatamente disso! Enfim, quem gosta da história dos videogames e le sobre o assunto sabe muito bem das práticas deles, e isso é bem documentado. Eles trouxeram boas inovações pro mercado, mas também trouxeram muito lixo na indústria.

Acho que a primeira frase não tem mais cabimento hoje em dia.

A segunda ainda tem alguma verdade no meio, mas não acho que da pra generalizar.


________________________________________
PANELA DOS AVATARES FUMANTES

http://www.drinknplay.com/

Consoles, Perfis, Gametags e Acessórios:
Sony LED 40EX705

Playstation 4
PSN: GBonatti


Xbox 360 Slim HD 250GB
Gametag: GBonatti


Playstation 3 Super Slim HD 250GB
PSN: GBonatti


WII U Black
Nintendo Network: GBonatti


Nintendo Wii

Nintendo 3DS Cosmo Black
Bonatti
Friend Code: 5112 - 3827 - 0556


PC:
INTEL I7 4790 3.60GHZ 4ª GERAÇÃO
16GB DDR3
SSHD 1TB
GTX 970
Steam: B0NATTI
Origin: GBonatti


Super Nintendo - Mega Drive - Sega CD - Game Boy Color


Twitter: G_Bonatti

RAPTR:
Spoiler:
http://www.facebook.com/profile.php?id=1274665507

Bonatti

avatar
Moderador
Moderador
Antonio Neto escreveu:eu acho otimo o sistema do LOL, csgo, pubg, onde a galera gasta grana em cosmeticos, e o jogo nao fica desbalanceado.

nao ligo se todos os jogos ficassem assim. é opcional, e nao interfere no gameplay, e dá grana p kct.

Sim.
Problema é quando fodem a progressão do jogo para botar isso, como Forza 7 e Shadow of War.


________________________________________
PANELA DOS AVATARES FUMANTES

http://www.drinknplay.com/

Consoles, Perfis, Gametags e Acessórios:
Sony LED 40EX705

Playstation 4
PSN: GBonatti


Xbox 360 Slim HD 250GB
Gametag: GBonatti


Playstation 3 Super Slim HD 250GB
PSN: GBonatti


WII U Black
Nintendo Network: GBonatti


Nintendo Wii

Nintendo 3DS Cosmo Black
Bonatti
Friend Code: 5112 - 3827 - 0556


PC:
INTEL I7 4790 3.60GHZ 4ª GERAÇÃO
16GB DDR3
SSHD 1TB
GTX 970
Steam: B0NATTI
Origin: GBonatti


Super Nintendo - Mega Drive - Sega CD - Game Boy Color


Twitter: G_Bonatti

RAPTR:
Spoiler:
http://www.facebook.com/profile.php?id=1274665507

yon

avatar
Lenda Urbana
Lenda Urbana
https://criticalhits.com.br/depois-de-reclamacao-dos-jogadores-bungie-muda-o-sistema-de-experiencia-do-endgame-de-destiny-2/

Para você que não acompanhou a história, um rápido refresco: nessa semana, jogadores descobriram que a experiência que o jogo mostrava que você ganhou não era a mesma experiência de fato computada pelo jogo. Conforme você mais jogasse, menos experiência na semana você ganhava, tornando assim a obtenção de Engramas Brilhantes cada vez mais difícil, e forçando os jogadores que quisessem mais engramas do tipo a terem que usar o Eververso, o local de compras premium do jogo.

Gordola da Station

avatar
Medio-Retro
Medio-Retro
Acho que a indústria vai ter que encontrar um equilíbrio entre rentabilizar mais seus games (com microtransações, por exemplo) e não tornar os jogos um verdadeiro cassino (olha ai a polêmica do novo Star Wars da EA)....
E acho que todas as empresas terão que se adaptar a isso, inclusive a nintendo, que é uma empresa ultra tradicional que às vezes tem mais dificuldade de se adaptar aos novos tempos (só olhar o sistema online da nintendo, que tá uns 10 anos atrasado em relação à concorrência).

naldin

avatar
Semi-amador
Semi-amador
E já tem outra treta com a EA, agora com o FIFA18:
http://meiobit.com/376069/fas-protestam-contra-microtransacoes-no-fifa-18/

http://naldin.000webhostapp.com

Antonio Neto

avatar
Moderador
Moderador
resumo: empresas filha da puta acham q os jogos estao baratos e q tem q socar microtransacao

enquanto isso um monte de empresa honesta e oldschool ta de boa fazendo jogo bom


________________________________________
PANELA HUE
PANELA CUECA BOXER
PANELA VEM METEORO
PANELA DOS USUÁRIOS 2010
PANELA BOLACHA MASTER RACE

STEAM: http://steamcommunity.com/id/netokosovo

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum