Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Jail
Moderador
Moderador
Mensagens : 13092
RetroPontos : 10861
Data de inscrição : 20/07/2010
Idade : 41
Localização : Brasília
http://arquivojail.wordpress.com/

Há 10, 20, 30 e 40 Anos nos cinemas e games...

em Sex 28 Jul 2017, 17:00
(É um texto que escrevi pro meu blog que trago pra cá Smile )


Como fiz ano passado, resolvi escrever esse texto sobre filmes e games do passado. Estamos em 2017 e assim vamos ver o que rolou em 2007, 1997 e 1987, quando o assunto é cinema e videogames. No quesito cinema, resolvei separar 2 filmes pra cada ano, um representando algo que deu certo e o outro que foi um tiro no pé. Pra games também selecionei 2 games, mas ambos de sucesso e que geraram franquias enormes, muitas até hoje ganhando novos jogos. E indo mais ao longe dos anos, 40 anos atrás, coloquei 2 menções do ano 1977, porque esse ano foi crucial tanto pra filmes, como para os games como o conhecemos.

Há 10 anos, em 2007…

Nos Cinemas (Sucesso):

Ratatouille



Considero Ratatouille o melhor filme da Disney-Pixar, e isso não é pouca coisa no estúdio responsável por Toy Story, Procurando Nemo, Wall-e, Up, Os Incríveis, Monstros S.A. e outros. Então, estou dizendo que seja minha filme-animação preferido de todos os tempos, simplesmente. A história do ratinho cozinheiro e que faz tudo pra poder exercer seu ofício é muito envolvente, e com uma conclusão emociante. E o filme rola em Paris, e isso já garante também imagens incríveis da cidade-luz.

Nos Cinemas  (Fracasso):

Homem Aranha 3



O que houve aqui? O que aconteceu com o Sam Raimi? Depois de 2 filmes tão especiais do Homem Aranha (o segundo, com certeza, é um dos melhores filmes baseados em HQ de todos tempos), ele entrega esse terceiro filme, que o mínimo que se pode dizer é que é ‘equivocado’. Só posso creditar isso a fãs ou produtores que insistiram pro diretor colocar um personagem que ele não sabia ou não queria lidar (Venom), e assim ‘deu ruim’ no filme todo. Pouca coisa ou quase nada se salva aqui. Triste final de trilogia e o personagem só se recuperou hoje, 10 anos depois, com seu primeiro-filme solo na Marvel Studios.

Nos Games:

Assassin’s Creed



Apesar de ser  até recente com 10 anos, Assassin’s Creed já ganhou diversos títulos. A série teve uma aceitação enorme no segundo game, Assassin’s Creed II de 2009, ainda hoje considerado o melhor da série. Infelizmente, perdeu o gás nos últimos anos, porque Ubisoft desgastou lançando um game atrás de outro, e porque o primeiro game da nova geração, Assassin’s Creed Unity, teve um lançamento desastroso com vários defeitos e bugs no game, o que deixou os fãs irritados.  O último foi Assassin’s Creed Syndicate de 2015 (que eu simplesmente adorei), mas já temos anunciado Assassin’s Creed Origins, que depois de 2 anos de descanso, vai tentar levantar a moral da série de novo. Aguardemos.

Super Mario Galaxy



Incrível que Mario mesmo com tanto tempo de vida, ainda consegue trazer games mágicos como esse Super Mario Galaxy do Wii (e sua sequel é ainda melhor). Houve toda uma reimaginação de físicas, com ele caminhando entre planetas, e também o bom uso do wiimote. E graficamente, a direção de arte faz como que se o Wii fosse compatível com vgs HD da época. Enfim, mais um game obrigatório do bigodudo.

Há 20 anos, em 1997…

Nos Cinemas (Sucesso):

Titanic



Reconheço que não sou um grande fã ou grande admirador de Titanic. Gosto do filme, assistível, acho eficiente pro que se propõe, e só. Mas não posso deixar de dizer que até sei porque fez o estouro que fez. Dá pra saber porque o público ficou tão exaltado por ele. O filme soube o que fazer pra agradar todos os públicos. Titanic traz um bom registro histórico, um romance que envolve os mais apaixonados, e efeitos especiais que ajudam a mostrar bem o drama vivido no desastre ocorrido. Tudo bem realizado (afinal, o James Cameron é um senhor diretor). Ou seja, conseguiu agradar todo mundo. Uns mais, outros menos, mas uma grande massa aprovando (a bilheteria que teve meio que demonstra isso).

Nos Cinemas (Fracasso):

Batman & Robin



Sou daqueles que até gostou do Batman Eternamente, filme anterior da série, dirigido também por Joel Schumacher. Não o acho terrível como muitos o acham. Minha questão talvez seja que ele não fica tão abaixo aos do Batman do Tim Burton (acho ele melhor que o Batman de 1989, por exemplo – desculpe). Já esse aqui, não tem defesa mesmo. Batman Eternamente fez sucesso nas bilheterias, daí, na realização desse aqui, todo mundo da produção resolveu dar pitaco demais no filme e Schumacher não conseguiu filtrar o que colocar, e assim acabou colocando tudo. Personagens demais, pra trama ‘demenos’, muitas piadas fora de hora e sem graça, cenários e figurinos dignos de escola de samba. Enfim, o filme quase enterrou de vez a fama de Batman nos cinemas. Graças que personagem é maior que isso e conseguiu dar a volta alguns anos depois.

Nos Games:

Grand Theft Auto



E Grad Theft Auto completa 20 anos. Uma das séries mais importantes da atual indústria de games. GTAV lançado em 2013 ainda vende muito nos atuais consoles de 8ª geração e PCs. Começou como jogo de nicho, meio proibido no meio por tratar de roubo de carros, com visão aérea, e gráficos mais simples, mas upou tudo no seu 3º game, o primeiro em 3D. Abusou de um mapa aberto com possibilidades mil nas missões. Desde então, continua mantendo o bom nome com jogos, que evoluem muito de um pra outro.

Goldeneye 007



Antes de Goldeneye 007, os consoles basicamente ganhavam ports de FPS dos computadores. Aqui a Rare criou um game FPS próprio pra consoles, baseado no filme de 1995 do agente britânico estrelado pelo ator Pierce Brosnan. Com grandes gráficos, missões cabulosas, e o principal: multiplayer local de até 4 pessoas. Foi um sucesso e um dos principais da geração. Desde então o estilo de jogo cresceu muito e já é também um dos mais consumidos nos consoles, não se limitando somente ao público de PCs.

Há 30 anos, em 1987…

Nos Cinemas (Sucesso):

A Hora do Pesadelo 3 – Os Guerreiros dos Sonhos



Difícil escolher o filme de 1987 que me marcou mais. Os Intocáveis, Máquina Mortífera, Robocop, Nascido para Matar, Predador, Coração Satânico, Antes só do que Mal Acompanhado, Os Garotos Perdidos, Te Pego Lá Fora. Foi um ano muito bom mesmo. Escolhi esse terceiro filme da série A Hora do Pesadelo, porque terror/slashers era o que consumia muito na época, em que estava descobrindo cinema em si, e época dos VHS onde podemos passar e ver tudo, completamente tudo, em casa. Enfim. Essa é a melhor sequel de A Hora do Pesadelo. Depois do segundo filme fugir das regras da série (com Freddy tentando atacar no mundo real), aqui resolveram sabiamente voltar com seus elementos clássicos de mortes nos pesadelos, e assim trouxeram até 2 personagens/atores do filme original (Nancy e seu pai). Além é claro, da presença marcante de Robert Englund como Freddy Krugger, um dos maiores vilões dos pesadelos adolescentes da década de 80.

Nos Cinemas (Fracasso):

Superman IV – Em Busca da Paz



Criei essa categoria de ‘fracassos’ do cinema nesse texto, porque por coincidência tivemos 3 filmes de HQ que quase enterraram seus personagens/franquias nos anos citados. No caso, do Homem Aranha 3 e Batman & Robin, podemos dizer ‘quase’ já que ambos conseguiram voltar depois com filmes mais respeitados. Já com Superman são 30 anos sem um filme que o traga ‘de volta’ por causa desse verdadeiro desastre que foi esse quarto filme estrelado por Christopher Reeves.  Terríveis efeitos especiais, o pior vilão de filmes HQ (um tal Homem Nuclear) e mensagem pacifista meio simplória (ou tratada de forma simplória). De positivo, só a reunião do elenco carismático (Reeves, Margot Kidder e Gene Hackman), mas melhor ver eles juntos em filmes melhores (como Superman I e II).

Nos Games:

Megaman



E eis que o robô-azul surgi. A série tinha a constante de você poder escolher qual chefe enfrentar primeiro, e ao ganhar a batalha pode ganhar sua arma, podendo usá-la nas fases/chefes seguintes. O primeiro jogo foi muito bom, mas Megaman II é o game preferido de muitos que jogaram Nintendo 8 bits, uma sequel realmente upou tudo o que o roiginal trouxe. Mas, no meu caso, Megaman III foi um dos meus primeiros games que joguei no Nes e, com certeza, o que mais joguei no console, sendo o mais marcante. Com ele veio minha paixão por jogos de vg. A série evoluiu em outras vertentes como a série Megaman X, Megaman Zero, Megaman Legends, Megaman Battle Networks, e outras mas o originais de 8 bits ainda se mantem com uma das mais memoráveis do mundo do videogames.

Double Dragon



Vale lembrar que 1987 foi o ano que surgiu Street Fighter também, mas como esse só virou febre com Street Fighter II – The Wordl Warrior, lançado em 1989, resolvi falar desse jogo que também virou uma grande febre, ganhando ports mil pra vários consoles. Todo mundo que tinha algum videogame naquela época, possivelmente jogou algum game dessa série. Basicamente, criou/consolidou o gênero beat’em up, que atualmente anda esquecido e abandonado, mas dominou total no fim dos anos 80 e começo dos anos 90, com vários títulos famosos (até Simpsons, Alien vs Predador, X-Men, Vingadores ganharam jogos beat’em up). Muita porrada numa jornada de dois irmãos gêmeos para salvar sua amada Marian.

Há 40 anos, em 1977…

Nos Cinemas:

Star Wars Episódio IV – Uma Nova Esperança a.k.a. ‘Guerra nas Estrelas‘



O que dizer de “Star Wars Episódio IV” (na época chamado aqui de Guerra nas Estrelas)? O filme simplesmente criou o cinema de entretenimento como o conhecemos hoje. Sim, temos o antes e o depois do cinema por causa de Star Wars. O filme salvou de vez o estúdio 20th Century Fox da falência; criou a Lucas Arts que dominou a indústria de efeitos especiais nos anos seguintes; consolidou de vez o ‘blockbuster’ do verão americano; gerou uma imensidade de clones que até hoje surgem; não deixa de criar novos fãs aficionados que se renova a cada filme da série lançado. Enfim, com certeza, um dos filmes mais importantes da indústria do cinema americano (quisá mundial).

Nos Games:

Atari 2600



Pois é, o velho Atari 2600 está completando 40 anos. Com certeza, uma verdadeira febre na época nos EUA. No Brasil, a febre veio um pouco mais tarde, já que ele chegou aqui só em 1983. E curiosamente em 1983, a febre dele tinha acabado no resto do mundo, porque a Atari lotou o mercado com jogos podres durante uns anos (ET, alguém?), e assim a indústria dos vgs como um todo passou por um crash, que só foi salvo em 1985 com o surgimento do Nintendo 8 bits. Eu vivenciei essa febre pelo vg. Todo mundo aqui tinha um e todo mundo jogava na casa de todo mundo seus jogos. Foi uma época incrível. Hoje, já não vejo com tanto carinho sua biblioteca de jogos, porque games tem gráficos abaixo dos aceitáveis (pra mim) e suas metas eram basicamente juntar pontuação alta, sem um final ou uma conclusão pra história. Mas foi sim, uma época importante e que marcou muito quem a vivenciou, com jogos históricos.




https://arquivojailcante.wordpress.com/2017/07/28/artigo-ha-10-20-30-e-40-anos/

______________________ Assinatura ______________________

No More Gamer

PSN: JailRocha

:nes: :snes: :n64: :wii: :wiiu: :genesis: :k360: :ps2: :ps3: :ps4:

avatar
Fúria
Socio do Forum
Socio do Forum
Mensagens : 9948
RetroPontos : 6832
Data de inscrição : 13/09/2010
Localização : Coruscant
http://fadebate.com.br/

Re: Há 10, 20, 30 e 40 Anos nos cinemas e games...

em Sex 28 Jul 2017, 17:33
Baita texto, ó!

Gostei dos destaques, é basicamente isso, filmes que mesmo ruins serviram pra algo: fazer os estúdios acordarem pra vida e realmente filmar algo bom mais tarde hehehe.
avatar
Gordola da Station
Medio-Retro
Medio-Retro
Mensagens : 1322
RetroPontos : 1234
Data de inscrição : 01/10/2016
Localização : SP

Re: Há 10, 20, 30 e 40 Anos nos cinemas e games...

em Ter 01 Ago 2017, 18:42
Batman com mamilos, saudade


Pensando bem, é uma boa ideia, pq já fica o espaço certinho na armadura para vc colocar seu mamilo, o que é muito útil para quem é mamiludo.


Última edição por Gordola da Station em Qua 02 Ago 2017, 18:44, editado 1 vez(es)
avatar
Fúria
Socio do Forum
Socio do Forum
Mensagens : 9948
RetroPontos : 6832
Data de inscrição : 13/09/2010
Localização : Coruscant
http://fadebate.com.br/

Re: Há 10, 20, 30 e 40 Anos nos cinemas e games...

em Ter 01 Ago 2017, 18:47
Rindo
Conteúdo patrocinado

Re: Há 10, 20, 30 e 40 Anos nos cinemas e games...

Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum