PORTAL DE NOTICIAS E GAMES RETRO


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

RETRO GAMES BRASIL » RETROGAMES BRASIL » RETROGAMES » [Review] Resident Evil - O jogo que definiu o ‘Survival Horror’

[Review] Resident Evil - O jogo que definiu o ‘Survival Horror’

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

Fúria

avatar
Moderador
Moderador


Desenvolvedora e publicadora: Capcom
Direção e produção: Shinji Mikami e Tokuro Fujiwara
Designers: Takahiro Arimitsu e Isao Õishi
Roteiro: Kenichi Iwao e Yasuyuki Saga
Trilha sonora: Makoto Tomozawa, Koichi Hiroki e Masami Ueda
Plataforma: PlayStation One, Windows, Saturn, Nintendo DS
Data de lançamento: 1996(PC, PsOne e Saturn) e 2006(DS)
Gênero: Survival horror
1 jogador

Trama - Uma série de assassinatos aconteceu nos arredores de Raccoon City. As vítimas estavam sendo mutiladas e mortas com sinais de canibalismo. O departamento de polícia de Raccoon City decide intervir e aciona os policiais de elite S.T.A.R.S.(Special Tactics and Rescue Service) para investigar os casos. Primeiramente a equipe Bravo fora enviada mas perdeu contato no decorrer da missão, e então foi enviado a equipe Alpha para resgatar quem sobreviveu e reportar a verdadeira situação.

História - Ambientado em 1998, a noite de 24 de julho mudaria para sempre as vidas dos policiais envolvidos na situação. Mas antes, devemos escolher entre Chris Redfield, um policial de grande porte físico, e Jill Valentine, uma habilidosa jovem policial. Durante a viagem de helicóptero até as montanhas Arklay, local onde os crimes de canibalismo aconteceram, somos surpreendidos com o vislumbre do outro helicóptero da equipe Bravo. Nisso, os policiais da Alpha pousam e investigam o que aconteceu, sem sinal de policial algum, apenas destroços.

Ao passo que procuram por alguém no matagal, uma criatura os observa de longe, nisso Joseph Frost encontra uma arma e se assusta. Logo em seguida, a criatura ataca Joseph, causando pânico nos demais policiais, que correm para dentro de uma mansão próxima de onde estavam. O helicóptero que os levou foi embora, culpa do medroso Brad Vickers. Assim, dentro de uma mansão sinistra, o jogo se inicia.

Personagens ::..

Nome: Jill Valentine
Nascimento: 1975
Altura: 1,66cm
Tipo sanguíneo: B
Afiliações: S.T.A.R.S., Biohazard Countermeasure Service (1998-2000); B.S.A.A (2003-presente)



Aos 23 anos Jill recebeu a missão de investigar com a equipe Alpha os incidentes de canibalismo nos arredores de Arklay, em Raccoon City. Jill é tida como uma personagem de fácil relacionamento, tendo amizades fortes que são importantes para ela no decorrer da saga. Ela é apelidada de "a mestre das destrancas", habilidade reconhecida pelos colegas de sua profissão.

Nome: Chris Redfield
Nascimento: 1973
Altura: 1,85cm
Tipo sanguíneo: O
Afiliações: S.T.A.R.S.(1996-1998) e B.S.A.A.(2003-presente)



O grandalhão da equipe Alpha combina técnicas de pilotagem, dos tempos de Força Aérea, com especialidade em armas e patrulha. Além disso, temperamento forte. Sua saída da Força Aérea teve grande parcela de culpa por suas respostas curtas e grossas, além de questionar seus superiores, porém uma amizade estabelecida na aeronáutica foi com Barry Burton, com quem mais tarde viria ser da mesma equipe policial.

Nome: Barry Burton
Nascimento: 1960
Altura: 1,86cm
Tipo sanguíneo: A
Afiliações: S.W.A.T., USAF(United States Air-Force), S.T.A.R.S.(1996) e B.S.A.A.(2003-presente)



Um homem apaixonado pela família também pode ser casca-grossa, e Barry Burton é a perfeita personificação desta descrição. Ele é conhecido por ser o especialista em armas, fornece suprimento para o batedor do time: Chris Redfield. Mais tarde sua filha Moira viria a ser uma das protagonistas de um spinoff da saga juntamente de Claire Redfield em Resident Evil Revelations 2. A paixão de Barry pelas armas é tanta que ele desenvolveu uma pistola em parceria com os irmãos Joe e Robert Kendo, donos da Kendo Gun Shop vista em Resident Evil 2 e no 3 em um arquivo. A pistola em questão é a Samurai Edge, uma M92F custom utilizada por Jill no terceiro jogo da série.

Nome: Rebecca Chambers
Nascimento: 1980
Altura: 1,61cm
Tipo sanguíneo: AB
Afiliações: S.T.A.R.S.(1998)



Rebecca é uma garota acima da média. Com 18 anos concluiu a primeira graduação em uma universidade e ingressou nos S.T.A.R.S. com a principal função de preparação e administração de remédios. Sua pouca idade esconde um lado maduro, visto em momentos de tensão.

Nome: Albert Wesker
Nascimento: 1960
Altura: 1,90cm
Tipo sanguíneo: O



Albert Wesker é considerado o líder da equipe Alpha. No decorrer do jogo ele consegue separar os membros remanescentes dos S.T.A.R.S. para pôr em prática seu plano secundário. Aos poucos ele mesmo nos dá dicas de quem é o principal vilão do jogo.

Demais personagens ::..


  • Brad Vickers, o piloto - fujão - do helicóptero que transporta a equipe Alpha, aparece novamente em Resident Evil 2 como zumbi e em Resident Evil 3 ainda vivo;



  • Joseph Frost é o primeiro policial da equipe Alpha a ser morto por um Cerberus, o cão sem pele - que salta sem medo pelas janelas;



  • Enrico Martini, líder da equipe Bravo encontrado ainda vivo por Jill;



  • Richard Aiken, membro da equipe Bravo que é atacado pela cobra Yawn;



  • Kenneth J. Sullivan, membro da equipe Bravo encontrado já sem vida. Quando o encontramos, podemos ver também o primeiro zumbi do jogo acabando de se alimentar;



  • Forest Speyer, membro da equipe Bravo que foi morto pelos corvos;


Inimigos ::..

Os monstros do jogo são muitos, mas devida à longa duração do game eles se repetem bastante ao longo dos corredores da mansão. Vamos ver um pouco deles?

Zombies - São os monstros mais comumente encontrados. Eles são lentos e podem ser desviados quando em locais abertos, mas de perto eles pulam no nosso personagem ou cospem uma gosma ácida.



Cerberus(MA-39) - Estes cães da raça Doberman receberam treinamento militar antes de serem infectados com o vírus T, desenvolvido biologicamente pela Umbrella para transformar homens e animais em armas biológicas.



Hunter Alpha(MA-121) - Esta criatura foi desenvolvida através de DNAs de répteis inseridos em óvulos humanos. Eles são ágeis e muito resistentes, seus danos são muito altos quando nos atingem com suas garras. Ele também nos dá uma das cenas mais terríveis do jogo onde arranca a cabeça do nosso personagem.



Neptune(FI-03) - Tubarões brancos foram infectados com o vírus T e o resultado foi esta criatura maior do que o normal, agressiva e que causa o maior dano nos personagens.



Web Spinner - São aranhas infectadas com o vírus T que, assim como os demais animais, aumentaram em tamanho e ameaça. Cospe veneno e pode nos deixar com a condição 'Poison', além de, após ser morta, saem de dentro dela dezenas de filhotinhos.



Chimera - Criatura desenvolvida a partir da combinação de DNA humano com DNA de moscas aliada à infecção do vírus T. Estas criaturas andam pelo teto e nos atacam com suas garras.



Wasp - Estas vespas, do tamanho de ratos, são agressivas e atacam em bando. Aparecem uma única vez no game e a melhor opção que temos é correr - e muito!



Crow - Os corvos foram infectados pelo vírus T após consumir carne humana contaminada - também pelo vírus T. Atacam em bando e são incomodam quando menos devia. Os corvos são grandes responsáveis pela propagação do vírus nos arredores de Arklay e, mais tarde, na própria Raccoon.



Adder - Pequenas cobras infectadas que vivem em locais úmidos e atacam em bando. São fáceis de desviar.



Yawn - Esta cobra vivia em cativeiro e seria utilizada como cobaia dos experimentos. No entanto, após o incidente na mansão, ela escapou e foi infectada pelo vírus. Se tornou maior e mais forte do que costumava ser, além de ser potencialmente perigosa.



Plant 42 - Esta planta foi um acidente a partir da combinação do vírus T e demais produtos químicos absorvidos por suas raízes. Ela ocupa uma sala quase inteira, mas suas raízes podem ser enfraquecidas por estarem sem proteção alguma. Para isso, basta realizar o experimento V-jolt, umedecer suas raízes com ele, e depois enfrentá-la.



Black Tiger - A aranha-rainha das Web Spinners. Mais forte, mais resistente e muito venenosa.



Tyrant(T-002) - Este experimento evoluído é o resultado da principal pesquisa realizada e desenvolvida pela Umbrella Corporation. Como podem ver seu próprio nome indica que ele não é o primeiro. Seu antecessor é o principal monstro do Resident Evil 0, jogo que antecede os eventos do Resident Evil(1996), mostrando como a equipe Bravo foi dizimada um a um.



Gameplay e jogabilidade ::..

A jogabilidade de Resident Evil é chamada de "tanque", onde podemos andar e correr em qualquer direção, mas para atirar ou realizar qualquer ação, como pegar itens ou checar arquivos, precisamos parar e então pressionar o botão X(ou qualquer outro que indique 'ação'). Com arma de fogo em mãos, podemos atirar no mesmo nível que o nosso, ou um pouco acima, ou um pouco abaixo, e podemos rotacionar em nosso próprio eixo em 360°.

Seu gameplay é lento, tendo em vista que o jogo é de sobrevivência ao horror com elementos de puzzle, ou seja, em vários momentos temos que raciocinar e buscar por alguma evidência, chave ou resolver um quebra-cabeça. Os momentos de terror são bastante presentes também, seja pela tensão que os monstros nos causa ou pela ambientação e música.

Ambientação & trilha sonora ::..

O jogo se inicia e acontece, em sua maioria, dentro da tenebrosa mansão, fachada para o laboratório subterrâneo cujos experimentos eram estudados e realizados. Aos poucos o jogo ganha seus traços científicos, aonde podemos ver os famosos laboratórios com tanques de água, mesas, lousas com fórmulas e cálculos. Por fora é uma mansão como qualquer outra - melhor dizendo, quase qualquer outra, pois não é comum existirem no mundo mansões assim, né? - e temos ambientes externos deslumbrantes e sinistros.



O som ambiente de cigarras, corujas ou corvos dá um tom muito imersivo no game. Quando em ambiente fechado, o som clássico da combinação cello + violino é bastante tenebroso, tornando a ambientação da rústica mansão única! Alguns momentos de tensão acontecem no jogo e uma música um pouco mais agitada se inicia, deixando tudo muito pior pra nós, que jogamos! Mas "pior" num bom sentido, significa que aquilo que eles tentaram, conseguiram.



Produção e Desenvolvimento ::..

O projeto foi iniciado em 1993 por uma equipe à parte da Capcom. Shinji Mikami trabalhou por diversos meses sozinho no game, tendo criado o design inicial de alguns inimigos e criação de cenários. Resident Evil teve como base filmes e jogos. De filmes, Mikami utilizou O Iluminado, de Stanley Kubrick, e Zombie, sequência de Dawn of the Dead. Na época estava bombando o fenômeno Alone in the Dark e Mikami escolheu este modo de jogo, pois o PlayStation One não possuía hardware muito forte e não suportaria um FPS; Sweet Home, de NES, é um RPG de terror que foi outro grande responsável pelo cenário da mansão de Resident Evil.

Sim! O primeiro protótipo de Resident Evil foi um FPS e chegou a ter algum material, porém, devido a limitação do console, o jogo não havia ficado "tecnicamente... Bom o suficiente", segundo palavras do próprio Mikami. Mas este não seria o único elemento exótico do game. Nas primeiras sketches o jogo teria dois personagens a mais, um deles é Dewey, um personagem bem humorado que sera o alívio cômico do game e Gelzer, um homem alto e meio ciborgue que seria o brutamontes da turma. Mais tarde esta sketch foi utilizada para retratar dois pesonagens de Dino Crisis. Também o game, quando programado para 1ª pessoa, teria elementos místicos e sobrenaturais como Sweet Home.





Mudanças & versões ::..

Mesmo com o lançamento no Japão, o jogo sofreu alguns cortes na sua versão americana. Cenas foram cortadas, itens remanejados e reduzidos, além da caixa que guarda itens ter recebido uma utilidade que facilita a vida do jogador. Chris teve cenas em que fumava removidas; um cão Cerberus seria baleado, cena considerada forte pra época, e também foi cortado; a morte de Joseph Frost também foi bastante reduzida. Sobre a caixa de itens ela guardaria os itens que você deixou somente naquela unidade, ou seja, se você deixou um determinado item na primeira caixa, por exemplo, este item estaria somente lá. Ele não apareceria nas outras caixas. Contudo, quando o jogo chegou aos EUA ele foi classificado como "M" - Mature, indicando um dos primeiros jogos do PsOne a receber esta classificação.

Menção honrosa - Vale lembrar sempre que, se chegarmos no Japão para comprar um game da série precisamos pedir por Biohazard, e não Resident Evil, ok? É o nome original da franquia, mesmo que nós estejamos acostumados com Resident Evil. Ele foi alterado para não causar confusão com a banda de metal nem com o jogo Bio-Hazard Battle.

Saturn :: A versão de Sega Saturn pode ser inferior, graficamente falando, no entanto o jogo recebeu o que seria o primeiro Mercenaries Mode. No game você tem um tempo progressivo e você precisa concluir a limpeza das salas no menor tempo possível para, no final, receber alta graduação. Este Battle Game contém o Wesker zumbi e uma nova coloração do Tyrant T-002.



PC :: A versão de Windows é a menos falada mas a melhor, se tratando do que foi adicionado ao game(ou pelo menos o que não foi removido dele). Temos todas as cutscenes do live-action filmado, e as cenas são exibidas coloridas ao invés do p&b de PsOne/Saturn; O suporte para acelerador gráfico permite gráficos muito superiores aos dos consoles; Além de roupas novas, Jill e Chris tem cada um uma nova arma desbloqueável(um MAC-10 para Jill e uma FN Minimi para Chris).

DS :: Em 2006, comemorando 10 anos do início da franquia, o Nintendo DS recebeu o Resident Evil: Deadly Silence. Um port do jogo original e com gráficos melhores e melhor interação, sendo que o mapa é exibido na tela de cima em tempo real, assim como munição e vida. As cutscenes foram censuradas, assim como o sangue também(embora este último seja possível reverter mudando no menu a cor do sangue de verde para vermelho). O giro em 180° é executável e as animações das portas/escadas e diálogos podem ser pulados. Além da faca que é usada como no Resident Evil 4 em um botão próprio dela. O jogo conta com dois modos: O clássico, que é semelhante em tudo ao jogo original; e o Rebirth onde várias utilidades do Nintendo DS são aplicadas no game, como soprar no microfone para curar um amigo e o uso da faca pelo touch screen em uma sequência parecida com os quick-time events.





Menções honrosas – Em 2002 o Game Cube recebeu dois jogos exclusivos da franquia. Um deles foi um Remake do primeiro jogo e que ficou na vontade de muitos jogadores até ser lançado para PC, Ps3 e Ps4 no ano passado. O port contou com gráficos muito avançados, cutscenes feitas em CGi e novas áreas, monstros e diálogos totalmente refeitos. Resident Evil ainda recebeu duas versões antes de sua sequência(RE 2): Director’s Cut e a Dual Shock Version. A Director’s Cut traz uniformes novos, itens e monstros realocados e maior poder de fogo para a pistola inicial, sendo possível executar um tiro de dano crítico que explode a cabeça do zumbi. Já o DualShock Version traz a possibilidade de se jogar com os analógicos, controles direcionais que foram implantados no PsOne somente em 1997.




Recepção ::..

Resident Evil foi recebido com aclamação por parte da crítica especializada. Foi também o primeiro jogo a ser chamado de Survival Horror, mesmo que Alone in the Dark seja o jogo que o inspirou. Na Famitsu o jogo recebeu 38 de 40 pontos, sendo um dos poucos jogos a terem alcançado tal pontuação na época. Em seu lançamento, vendeu cerca de 5 milhões de cópias. Mais a Director's Cut e Dual Shock Edition lançou mais 3.94 milhões de cópias. Foi um sucesso de vendas nos EUA e na Terra da Rainha. Contando o Remake, de Game Cube, e o remake HD de PC e Ps3/Ps4, o jogo vendeu mais alguns milhões de unidades ainda.



Seus pontos positivos cercaram um pouco de tudo no game, especialmente sua ambientação, violência e dificuldade. Já seus pontos negativos foram, na maioria das vezes, marcados pela péssima dublagem e pelas cutscenes de filme B.

O primeiro Resident Evil marcou o início de uma saga maravilhosa, definiu um novo gênero e fez muito marmanjo pular enquanto atravessava o corredor dos cachorros. Alguns anos depois sua sequência trouxe o que de melhor a equipe jamais havia feito e dificilmente fará igual. Este jogo é único, está na mesma ala de jogos que iniciaram algo duradouro, que foi utilizado por pessoas com ideias tão sensacionais quanto Mikami e seu time teve. Bom, este foi meu review de Resident Evil e logo menos sua sequência receberá um também. E não, não esqueci do primeiro Alone in the Dark e muito menos de Silent Hill, logo menos eles estarão aqui também. Eu encerro por aqui, espero que tenham gostado.

Abraços,

Fúria


________________________________________
Exclamação Leiam os blogs que participo!

 Arrow #Futebol Alegria e Debate

 Arrow .::: Round ONE Games :::.

Visite a comunidade do Retrogames no #Google Plus

PANELA DOS CARECAS

http://www.round1.com.br/

Dopefish

avatar
Moderador
Moderador
não passo da cobra, me julguem


________________________________________
PANELA HUE
PANELA DOS USUÁRIOS DE 2010
PANELA BOLACHA MASTER RACE
PANELA VEM METEORO
PANELA ITALIANOS FASCISTAS
PANELA VOLTA PANGEIA

Fúria

avatar
Moderador
Moderador
Julgando.


________________________________________
Exclamação Leiam os blogs que participo!

 Arrow #Futebol Alegria e Debate

 Arrow .::: Round ONE Games :::.

Visite a comunidade do Retrogames no #Google Plus

PANELA DOS CARECAS

http://www.round1.com.br/

naldin

avatar
Semi-amador
Semi-amador
Mais um ótimo review aqui no fórum.

http://naldin.000webhostapp.com

Fúria

avatar
Moderador
Moderador
Valeu! Sorriso


________________________________________
Exclamação Leiam os blogs que participo!

 Arrow #Futebol Alegria e Debate

 Arrow .::: Round ONE Games :::.

Visite a comunidade do Retrogames no #Google Plus

PANELA DOS CARECAS

http://www.round1.com.br/

Antonio Neto

avatar
Moderador
Moderador
lindo

pra mim Alone deveria ter tido um título caprichado depois do RE1, mantendo as origens, principalmente a questão de o protagonista não ser um soldado ou policial, algo que aumenta muito o clima de opressão nos primeiros Silent Hill.


________________________________________
PANELA HUE
PANELA CUECA BOXER
PANELA VEM METEORO
PANELA DOS USUÁRIOS 2010
PANELA BOLACHA MASTER RACE

STEAM: http://steamcommunity.com/id/netokosovo

Fúria

avatar
Moderador
Moderador
Valeu, Neto!

É... Infelizmente o avô do survival horror nunca mais deu sorte. Foi bomba atrás de bomba, embora eu tenha gostado do New Nightmare.


________________________________________
Exclamação Leiam os blogs que participo!

 Arrow #Futebol Alegria e Debate

 Arrow .::: Round ONE Games :::.

Visite a comunidade do Retrogames no #Google Plus

PANELA DOS CARECAS

http://www.round1.com.br/

lovely_shonen

avatar
Amador
Amador
RE1 é um clássico absoluto! Eu gosto muito da trilogia inicial do PSX, e gostei muito do remake do primeiro game! Legal que no REmake tem um modo que você joga que os baús não são conectados, que nem está falando no texto acima, legal! Ótimo tópico.

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum